Os integrantes da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa) da Prefeitura de Suzano iniciaram na manhã desta terça-feira (05/06) o curso de qualificação avançado de atendimento pré-hospitalar, no Centro Educacional Mirambava. O objetivo é prepará-los como futuros agentes multiplicadores de informação junto a servidores municipais.


As aulas são realizadas em parceria com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que concedeu profissionais para o treinamento. O curso terá duração de 24 horas, com encontros diários até sexta-feira (07/06).

 

Diferentemente da formação promovida em abril, os temas tratados nesta capacitação são mais voltados ao módulo avançado: biossegurança, identificação de vítimas e tipos de traumas, cuidados necessários durante acidente vascular cerebral (AVCs) e traumatismo cranioencefálico (TCE), técnicas de abordagem de adultos e crianças, entre outros.

 

Todo o processo de condicionamento dos agentes da Cipa da Prefeitura de Suzano tem como objetivo formá-los como multiplicadores de noções de primeiros-socorros, que serão repassados a membros da rede municipal de ensino. A qualificação faz parte da implementação da lei federal nº 13.722/2018, conhecida como “Lei Lucas”, que recebe este nome devido à morte de uma criança de 10 anos, em Campinas, que se engasgou ao comer um lanche durante uma excursão de escola e não havia profissionais treinados no momento da ocorrência.


Para o presidente da Cipa, Cesar Braga, o trabalho de preparação significará uma melhoria considerável nos protocolos de segurança de toda a administração municipal. “Ao mesmo tempo em que passamos a contar com pessoas devidamente preparadas, elas compartilharão seu conhecimento com centenas de profissionais espalhados por toda a cidade, em situações onde os primeiros-socorros podem ser o ponto decisivo para que uma tragédia não ocorra”, explicou.

 

A secretária de Administração de Suzano, Cíntia Renata Lira, considera fundamental a preparação dos integrantes da Cipa. “Damos completo apoio à comissão, que deve estar pronta tanto para atuar na prevenção quanto no auxílio em uma situação de emergência”, disse.

 

 

Crédito das fotos: Wanderley Costa/Secop Suzano

 

Deixe uma resposta